sábado, 10 de setembro de 2011

Ciudad de Panamá - Dia 3: Multiplaza e mais Albrook Mall!

E aí galera!!

Último dia de viagem! Já estávamos tristes com a volta ao Brasil, mas ainda restava tempo de conhecer mais o Panamá (leia-se: fazer mais compras!! ). Acordamos cedo e fomos direto para o bairro dos arranha-céus de Panamá. Prédios muitos altos e novos. Parece um Centro da cidade, mas os próprios panamenhos dizem que não existe um centro da cidade lá, apenas as highways que cortam os bairros mais populosos. Não há grandes coisas a se conhecer por lá, e a opção óbvia era voltar ao Albrook para fazer as últimas compras. Querendo inovar, resolvemos visitar outro grande shopping da cidade: o Multiplaza.

Este shopping é muito mais chic e praticamente só tem roupas de grife. No geral, pelo tempo que passamos lá, os preços são um pouco acima dos preços do Albrook, mas vale a visita. Lá comprarmos maquiagem pra Grazi na única loja MAC Cosméticos da capital (a loja fica dentro da loja da La Riviera). É um stand legal, bem espaçoso, a Grazi fez a festa. Aproveitamos e fizemos compras na loja da Guess, que estava em promoção. As bolsas e relógios estavam bem em conta.

De lá, partimos para o Albrook Mall pra finalizar. Como no post anterior já falamos de todas as dicas de lá, não iremos repetir. Aproveitamos para fazer as ultimas compras (principalmente na Loja da Polo que estava toda com 50% de desconto) e o principal, para comprar uma grande mala. Sim, precisamos de uma mala grande a mais para caber tudo que compramos (e olha que quase não coube). Em tempo, a mala foi ridiculamente barata: US$17,00. Nem almoçamos para não perder tempo no shopping.

DICA: esquecemos de frisar isso nos posts anteriores. Fatalmente você se verá cheio de bolsas de compras querendo entrar em uma loja qualquer do shopping. Atenção, por que grande parte delas tem um local na entrada pra deixar as coisas, por razões de segurança. Então evite sair entrando correndo nas lojas cheio de bolsas, por que o segurança vai correr atrás de você e mandar você voltar. Nem todas as lojas tem esse local pras bolsas, então sempre vale a pena perguntar pro segurança se pode entrar com as bolsas na mão.

Chegamos no hotel para guardar as coisas na mala nova. E às 15h, pegamos o translado para o Aeroporto Internacional Tocumen. Quanto ao peso das malas: Só é permitido até 23kg por mala. E cada pessoa pode levar 2 malas. Porém, isso não significa que as duas malas juntas podem dar 46kg. Se uma das malas ultrapassar 23ks, deve ser pago o peso extra. Vejam isso com cuidado, por que tivemos que redistribuir o peso das malas em pleno aeroporto, um pequeno caos hehehe...

Fizemos o Check-In e finalmente almoçamos na lanchonete Carl’s Jr (tem uns sandubas ENORMES e muito baratos). Aliás, a praça de alimentação do aeroporto é ótima, tem muitas opções famosas como Domino’s, etc. Então, fomos dar um passeio pelo Free Shopping do aeroporto, que literalmente é um shopping: tem várias lojas de várias marcas famosas, uma La Riviera para perfumes e cosméticos e lojas de eletrônicos. É a última chance de fazer suas comprinhas sem impostos.

E foi assim que terminou o que eu e Grazi não cansamos de chamar de “melhor viagem das nossas vidas”. A beleza, os passeios e a cultura de Cancun e as compras e o aprendizado no Panamá fizeram nossa viagem ser completa. Aconselhamos a todos a fazerem a viagem, e se quiserem melhorar nosso roteiro, nos mande uma mensagem! A idéia do blog não é simplesmente contar sobre a viagem, isso qualquer pessoa acha no Google. O objetivo é ajudar aos viajantes a passarem menos perrengues e aproveitarem ao máximo suas viagens. Ainda virão outras por aí e esperamos ajudar vocês todos!

Ainda dá tempo de votar na nossa enquete sobre qual viagem vocês querem que a gente comente. O páreo está duro entre Morro de São Paulo (BA) e Campos do Jordão (SP), mas tem outros lugares ótimos pra vocês pegarem as dicas.

Em tempo: fizemos uma página do Check-In no Facebook! Curtam nossa página para que possamos cada vez mais melhorar nosso blog!

Partiu!