quarta-feira, 24 de junho de 2015

Abu Dhabi: Grande Mesquita Sheikh Zayed

E aí galera!

Completamos nosso passeio por Dubai no lindo Dubai Miracle Garden e partimos para conhecer o segundo emirado da viagem: Abu Dhabi. Falamos um pouquinho sobre ele no post de informações básicas: trata-se da capital dos Emirados Árabes Unidos, com dois milhões de pessoas, mas um emirado um pouco mais tradicionalista em relação ao comportamento das pessoas (confira nosso post sobre como se comportar por lá). Mas antes de chegarmos em nosso hotel em Abu Dhabi, talvez a maior e mais espetacular atração de lá nos aguardava, ainda na estrada: a Grande Mesquita Sheikh Zayed.

A absurdamente linda Grande Mesquita Sheikh Zayed!

Iniciada em 1996 e inaugurada apenas em 2007, a Grande Mesquita Sheikh Zayed, além de uma homenagem óbvia ao pai da nação, é onde está velado o corpo do primeiro xeque dos Emirados Árabes Unidos. Mais de 3 mil pessoas trabalharam para erguer todo complexo, projetado por designers de diversos países europeus e asiáticos. A construção da mesquita saiu pela "bagatela" de US$ 545 milhões. Diferente do que as fotos pode sugerir, a Grande Mesquita Sheikh Zayed (que tem capacidade para 40 mil pessoas) não é a maior do mundo. Nem mesmo a segunda maior. Outras sete mesquitas mundo afora são maiores, lideradas, claro, pela sagrada al-Haram, em Meca, na Arábia Saudita, que pode receber (pasmem) dois milhões de pessoas ao mesmo tempo! Se não está entre as maiores, com certeza está entre as mais belas.

Meca tem capacidade 50x maior! Imaginem!

O espelho d'água na entrada deixa tudo mais bonito.

Estávamos em um país árabe e visitar uma mesquita era mandatório. Mas antes de entrarmos lá, algumas informações são importantíssimas, principalmente referente a como se vestir. Os requerimentos mais críticos são para as mulheres: braços, pernas e cabelos devem estar completamente escondidos. Ainda que estejam, as roupas não devem dar forma ao corpo, então dê preferência a roupas mais soltas. Transparência e decotes nem pensar! Óculos escuros são permitidos, e até recomendados, pois o sol reflete no mármore branco da mesquita e pode incomodar bastante. O lance das roupas é sério: famosas como Rihanna e Selena Gomez já passaram por problemas por causa disso. Para os homens já é um pouco mais tranquilo: cabelos a mostra e camisetas comuns (regatas não!) são permitidas, bermudas não. Ah, claro: fumar, celulares ligados e comidas e bebidas são proibidos. E o silêncio e respeito recomendados. Dica importante: evitar contato físico, o mínimo que seja. A gente acaba se distraindo e tirando fotos abraçado com alguém e isso é muito mal visto. Procure manter uma distância de um braço pelo menos nas fotos.

O dressing code da mesquita.

O clima é de total respeito. A grandeza da mesquita é incrível, tudo impecável. Após passar pelo pórtico principal, um enorme pátio interno nos recebe. Pouco mais a frente, finalmente entramos na mesquita propriamente dita. Mas antes, claro, retiramos os calçados - uma enorme estante está disponível para os visitantes. Se, vendo de fora, a Grande Mesquita já fascinava, seu interior não fica atrás. O tapete persa que cobre todo o piso é o maior do mundo: de perder de vista. As paredes são enfeitadas com escritas de palavras religiosas, tudo com muita limpeza e muita luz. Realmente, me senti muito bem. Aqui valem as mesmas regras de antes: evite contato com as pessoas, procure manter silêncio e cuidado para não ser desrespeitoso nas fotos. Bom, escrever não vai dizer muito. Curtam algumas fotos:







O passeio na Grande Mesquita Sheikh Zayed é simplesmente imperdível: se seu tempo em Abu Dhabi é curto, pense em priorizar aqui. Ainda que a cultura islâmica não é sua praia, é difícil você não se impressionar com o tamanho e a riqueza que a mesquita oferece. Mais um destino fora de série, diferente de tudo que já tínhamos visto, nesse país incrível.




No próximo post, finalmente chegamos na Abu Dhabi propriamente dita, com uma ótima dica de hospedagem, ótima pra quem quer explorar a cidade e também pra quem prefere curtir o próprio hotel e descansar. Vem com a gente!

Partiu!