segunda-feira, 14 de novembro de 2011

São Paulo: Museu do Futebol

E aí galera!

Continuando nosso corrido final de semana em Sampa, antes de bater um rango, partimos pro Estádio Municipal Paulo Machado de Carvalho, conhecido por Pacaembu! Caramba, depois de um passeio pelo Ibirapuera, vamos assistir a um jogo? Nada. No Pacaembu se instala o Museu do Futebol, uma grande atração que mostra o futebol além das quatro linhas, além dos times e dos gols. “Ah, mas eu não curto futebol...”. Vai por mim: isso não faz a menor diferença!



A entrada custa R$6 (e tem meia entrada para estudantes). Atenção: antes de visitar o Museu, vale acessar o site oficial do Museu do Futebol para conferir se haverá jogos no estádio no dia de sua visita. Caso haja, como foi em nosso caso, o Museu fecha suas portas um pouco mais cedo. O Museu do Futebol não permite fotos em suas galerias, então as fotos que estão nesse post (exceto a primeira, do lado de fora) foram enviadas pela Equipe de Comunicação do Museu, e estão sendo divulgadas com aval deles! Os únicos locais em que as fotos são permitidas são na Passarela que fica de frente pra Praça Charles Miller e na Vista da Arquibancada, onde o visitante pode ver o estádio do Pacaembu por dentro!


Na chegada, já se pode ver uma série de artigos antigos de futebol, como flâmulas e fotos autografadas por grandes figuras do esporte. Quando visitamos, havia uma exposição falando sobre o futebol de cegos, em que os jogadores localizam a bola pelo som de um guizo que fica dentro da bola. Havia uma câmara escura, em que os sons do guizo e das pessoas gritando vinham de todo lado e você tinha a noção exata do que os jogadores passavam pra jogar, sensacional! Aliás, praticamente todas as placas do museu têm representação em braile, para os deficientes visuais. Um show de acessibilidade.



Subindo os andares do Museu, exposições sobre as narrações, torcida e grandes mitos do futebol vão contando um pouco da história do esporte, numa linguagem simples mesmo pra quem não entende bulhufas de futebol. Destaque para a exposição sobre as Copas do Mundo, desde a primeira em 1930, passando pelo Penta do Brasil até a decepção de 2010. Essa exposição não fala só sobre os jogos e os craques dos Mundiais, mas também cita o cenário da política mundial na época, o que estava acontecendo no mundo, muito interessante!



Pouco antes do final do passeio, há um setor chamado “Números e Curiosidades” em que há uma série de informações e recordes do mundo do futebol, como a maior goleada, os maiores e menores públicos em um jogo, além de explicações de como surgiram algumas gírias e apelidos do mundo do futebol. O passeio termina com um cinema 3D, uma brincadeira interativa de chutes a gol, que mede a velocidade de seu chute, e grandes fichas técnicas dos principais times do Brasil!


Depois da saída, há uma loja recheada de camisas e artigos de futebol, além de um bar. Pra mim que sou apaixonado por futebol, é check-in CERTO pra quem visita São Paulo! Pra quem não curte, também! O museu ofereceu muito mais, mas vou deixar o mistério pra vocês conhecerem quando visitarem!

Saímos do Pacaembu sedentos de fome. A sugestão foi conhecer o New Dog! No próximo post!

Partiu!