terça-feira, 22 de dezembro de 2015

Viena: Tour - Parte 1

E aí galera!

Em posts anteriores, destacamos alguns pontos de interesse em Viena: a Kärntner Strasse, a Wiener Staatsoper, o Palácio de Schönbrunn e o Palácio Belvedere. Foram atrações onde passei mais tempo e pude juntar informação suficiente pra vocês de forma a escrever um post bem informativo e com minhas impressões pra cada uma delas. Mas, como qualquer viagem a trabalho, o tempo pra curtir a cidade era curto e, por isso, acabei visitando muitas atrações de Viena meio que na correria, mas que mesmo assim acabei curtindo demais!

Vem com a gente pela primeira parte desse tour por Viena!

Seria injusto falar de Viena aqui no blog e não citar esses locais. Então, nessa primeira parte do meu tour pela capital austríaca, fiz um pequeno roteiro de 4 km de caminhada onde passei por vários pontos legais (confira o mapa no final do post). Ah, mais uma vez deixo meu "Danke" pra Letícia, do Viva Viena, e pra Vanessa, que foram minhas super guias nessa aventura. Vamos lá?

Encontre o melhor preço de hospedagem em Viena no Booking.com, clicando nesse link. Você economiza e, de quebra, ainda ajuda o blog!


Albertina

Começando o tour pela Ópera de Viena, bem perto do prédio, está um dos principais museus de arte de Viena, com quase 240 anos de história. É comum que o Albertina exponha obras de pintores lendários, como Monet e Picasso. Pra se ter uma noção, entrei no site deles agorinha e a exposição do momento é do artista norueguês Edvard Munch. Você pode não ter reconhecido pelo nome, mas com certeza já viu uma de suas principais obras: "O Grito", de 1893. Além do próprio Albertina, bem a sua frente, há um interessante monumento que faz referência à Segunda Guerra Mundial.

Albertina, nossa primeira parada!

Os horários de funcionamento e preços do Albertina podem ser conferidos AQUI.


Burggarten

O Burggarten, como sugere o nome, foi o jardim privado dos Habsburgo até o final do império na Áustria, em 1918, quando finalmente foi aberto ao público. Um dos destaques do Burggarten, e com certeza o mais fotografado, é o Jardim de Mozart, com uma estátua do músico local.

O Jardim de Mozart...

...e o Palmenhaus.

Além desse jardim, outro ponto interessante do Burggarten é a Palmenhaus, uma casa muito similar a uma estufa que abriga um jardim de plantas tropicais, além de um café. Parte do Palmenhaus ainda contempla o mariposário do Burggarten: o Schmetterlinghaus. Horários de funcionamento e preços podem ser encontrados nos sites de cada atração.


Österreichische Nationalbibliothek

É a Biblioteca Nacional da Áustria. Erguido em 1735, o prédio faz parte do complexo do Palácio de Hofburg e disponibiliza cerca de 200 mil volumes para os vieneses. Não chegamos a entrar no prédio, mas se for de interesse, os preços e horários estão disponíveis no site oficial da biblioteca.

A Biblioteca Nacional.


Palácio de Hofburg

Inaugurado em 1279, o Palácio de Hofburg é o mais importante de Viena. Diferente de Schönbrunn e o Belvedere, idealizados como palácios de lazer da família imperial, Hofburg era a sede do Império Austro-húngaro, onde realmente as decisões do império aconteciam. Diversas construções, incluindo o Burggarten, fazem parte do complexo. O Neue Burg (ou o Novo Castelo) foi parte da expansão do Hofburg no início do século XX. Foi nele onde Adolf Hitler fez seu discurso e declarou a Áustria como parte de seu império, história que os austríacos não gostam que seja lembrada. De frente para o imponente palácio, a Heldenplatz, uma enorme praça com estátuas de diversas figuras históricas da Áustria e jardins impecavelmente bem cuidados. O Burgtor, o portão do Palácio, também é um atrativo de Hofburg.

O imponente Neue Burg de Hofburg!

Hoje o Hofburg, além de sede do governo austríaco, também oferece alguns museus em seus aposentos abertos para visitação, como por exemplo os Kaiserappartements (os aposentos reais), o Museu Sissi e a Silberkammer (ou Câmara de Prata), uma enorme coleção de prataria da época.

O Burgtor, portão do Palácio!

Confira o site de Hofburg para verificar horários de funcionamento e preços dos ingressos e tours disponíveis. Passe pelo Burgtor e vamos para nossa próxima parada...


Maria-Theresien-Platz

A Maria-Theresien-Platz poderia ser apenas mais uma praça de Viena recheada de verde e estátuas lindas. Mas não é só isso. Nos dois lados da praça, estão os "museus gêmeos" de Viena. O Museu de História Natural e o Museu de História da Arte, com fachadas quase idênticas (descubra quais detalhes os diferenciam!), estão um de frente pro outro, num cenário no mínimo curioso! No meio da praça, uma enorme estátua da Imperatriz Maria Tereza atrai as lentes de todos os visitantes.

O Museu de História Natural (ou seria da Arte?).

Confira os sites dos museus para horários de funcionamento e preços dos ingressos.


Museumsquartier

O Museumsquartier, também conhecido como MQ, é um grande espaço no 7º Distrito de Viena que agrega um conjunto de grandes museus. Um verdadeiro quarteirão com diversas opções artísticas para vieneses e visitantes.

O MUMOK e a praça, com uma exposição a céu aberto.

Dentre os museus da MQ, destacamos:
  • MUMOK: o Museu de Arte Moderna (confira com cuidado a fachada do prédio e encontre algumas surpresas...);
  • Leopold Museum: museu modernista e expressionista com obras vienesas;
  • AzW: o Museu de Arquitetura
  • Halle E+G: espaço para apresentações musicais, danças e teatrais;
  • Q21 International: exposições internacionais em geral;
  • ZOOM Kindermuseum: museu para crianças;
  • entre outros...
Confira o site do MQ para acompanhar tudo que estará rolando por lá quando você estiver em Viena. Mesmo durante o dia, algumas exposições legais ocorrem ao ar livre, bem legal.


Parlament

Como sugere o nome, trata-se do Parlamento da República da Áustria. O prédio, por si só, é lindo demais: lembra muito as construções gregas (pra quem assistia a Cavaleiros do Zodíaco, parece até uma as 12 Casas hehehe... Como se não bastasse a arquitetura, uma estátua da deusa Atena está bem em frente ao prédio), com suas enormes pilastras e uma longa escadaria, que mesmo sem entrar no prédio, te dá uma bela vista do Volksgarten, o parque que fica bem em frente.

O Parlamento Austríaco (com cara de grego).

Não chegamos a explorar seu interior, mas há uma série de tours disponíveis pra quem quiser aprender mais sobre como funciona a casa.


Universität Wien

Tudo bem, você está de férias e quer distância do trabalho e do estudo. O que fazer na Universidade de Viena? Bom, pra começar, o prédio é muito bonito. Suas paredes laterais possuem murais absurdamente detalhados, parece que foram pintados ontem! Ah, por ser uma universidade pública, a entrada é franca e livre. Pois bem, por dentro ela também é fantástica, com um lindo pátio arborizado, onde os estudantes relaxam e estudam, tudo num silêncio de muito respeito (bem diferente das histéricas partidas de truco e sueca da minha faculdade, mas deixa quieto).

A Universidade de Viena...

Nesse pátio, bustos de alguns dos ex-alunos: Adam PolitzerErwin Schrödinger (aquele do gato na caixa, quem assiste The Big Bang Theory sabe quem é), Christian DopplerSigmund Freud, entre outros que fizeram diferença na história da humanidade. Sensacional! A Universidade de Viena é tão visitada que ela até oferece tours para seus visitantes, confira o site oficial deles para horários e preços.

...e alguns dos alunos e professores famosos!

E, a seguir, o caminho dessa parte do tour:


Essa foi nossa primeira parte do tour por Viena. Tentei colocar as atrações numa ordem lógica, mas sintam-se livres pra mudar ou pular qualquer coisa. Essa caminhada rendeu, hein? Aproveite e busque um dos inúmeros bares ou cafeterias da cidade e relaxe. Ah, claro, e continuem acompanhando a gente pra segunda parte do passeio e muito mais!

Confira algumas fotos da nossa viagem: sigam nosso Instagram e também nosso Twitter e busquem pela hashtag #CheckInEmViena! Estão curtindo a série de posts? Comenta ai!

Partiu!